Quantas horas preciso estudar para passar no concurso público?

Tempo de leitura: 5 minutos

Os concursos públicos sempre foram opções bastante procuradas por grande parte da população, que busca encontrar no setor público alguns diferenciais que não podem ser obtidos por meio do trabalho dentro de empresas do setor privado. E, hoje, mais do que nunca, o setor público vem ganhando destaque no mercado e atraindo atenção até mesmo de pessoas que sempre tiveram uma carreira estabelecida dentro da iniciativa privada.

E um dos responsáveis pelo aumento do interesse por esse setor por parte da população trabalhadora brasileira é a crise econômica que o país tem enfrentado nos últimos tempos. Isso porque, dentro desse contexto, a garantia de estabilidade empregatícia é extremamente atraente.

Afinal de contas, não importa a situação do país, a verdade é que as contas não vão parar de vir e é preciso ter um salário todos os meses para conseguir pagá-las.

Dessa forma, para fugir do índice de desemprego que só cresce a cada mês e também para não precisar enfrentar o medo e a insegurança de um corte de pessoal dentro de uma empresa privada é que muitas pessoas têm procurado os concursos públicos como uma forma de se conseguir um emprego.

Junto a isso, outras questões que tornam a iniciativa pública bastante atraente são os bons salários, que em muitos casos são maiores do que os praticados dentro do setor privado para as mesmas ocupações, e também os bons benefícios, que são somados aos salários e que vão ser diferentes de empresa para empresa.

De quebra, para aqueles que buscam uma melhor qualidade de vida, um diferencial do serviço público é o respeito à jornada de trabalho do colaborador, de forma que horas extras são raras aparições no serviço público e praticamente mandatórias no setor privado, coisa que quem já trabalhou em grandes empresas sabe muito bem como funciona.

O que acontece é que, com esse aumento da procura, consequentemente há também um aumento na concorrência, principalmente por vagas que oferecem salários mais altos e que são historicamente as mais disputadas. O que significa que, para entrar em uma boa vaga, é necessário cada vez mais estudo e dedicação, já que nesses casos, todo ponta conta para o resultado final.

E é exatamente pensando em tudo isso que nós reunimos aqui uma série de dicas que vão mostrar para você quantas horas você vai precisar estudar por dia para conseguir ser aprovado em um concurso público. Afinal de contas, nessas horas qualquer ajuda é bem-vinda se ajudar a ter um melhor desempenho final em uma prova de uma vaga concorrida.

Afinal de contas, quantas horas são necessárias para conseguir a aprovação em um concurso?

A verdade é que não existe uma carga horária pré-definida que vai determinar se você vai passar em um concurso ou não, de forma que isso deve ser algo estabelecido por você para que você tenha o melhor aproveitamento possível em seus estudos.

Para isso, a primeira pergunta que você deve fazer a si mesmo é quantas horas você tem disponível para estudar, que vai ser a base para toda a preparação dos seus estudos para um concurso público. O ideal é que você tenha pelo menos quatro horas por dia para estudar, mas é claro que, se tiver mais, aproveite todo o tempo que tiver.

Aqui vale ressaltar que é muito melhor ter quatro horas de estudo de qualidade, do que oito horas de um estudo meia boca. Isso também deve ser levado em consideração na hora de montar o seu cronograma de estudos. Menos de quatro horas por dia acaba sendo pouco por conta da quantidade matéria, mas qualquer adaptação é válida e pouco estudo é melhor do que nenhum estudo.

Para quem tem bastante tempo livre e vai dedicar o tempo do dia exclusivamente aos estudos para a prova do concurso, o ideal é que a quantidade de horas de estudo comece em quatro horas e vá aumentando gradativamente, de forma que você acostume o seu corpo a estudar por longos períodos de tempo e comece a aproveitar de forma produtiva todo o tempo que você reservar para estudar.

Tendo isso em mente, uma boa dica de divisão de estudos é a seguinte, levando em consideração que você tenha quatro horas para estudar. Caso você tenha mais ou menos tempo pode fazer adaptações seguindo a mesma lógica. Uma boa forma de estudo é dividir essas quatro horas que você tem disponível em duas partes de horas cada uma.

Cada uma dessas duas horas você vai dedicar exclusivamente ao estudo de uma matéria, como duas matérias de Direito por dia, por exemplo.

Levando tudo isso em consideração, a sua semana de estudos – com quatro horas de estudo por dia – pode ser organizada da seguinte maneira: de segunda a sexta você vai separar para estudar duas matérias por dia, com uma dedicação de duas horas para cada uma. Dessa forma, por semana você vai totalizar 20 horas de estudo em oito matérias diferentes.

Ao contrário do que muita gente pensa, estudar aos finais de semana nem sempre são uma boa pedida. Isso porque é importante que o cérebro tenha um tempo de descanso para se recuperar do esforço realizado durante a semana e também para conseguir absorver melhor o conteúdo.

Dessa forma, sobrecarregar o cérebro de domingo a domingo não só vai deixar você extremamente cansado, como vai ser servir apenas para diminuir a sua produtividade e fazer com que você deixe de absorver o conteúdo estudado, que é exatamente o contrário daquilo que você deseja fazer.

Com tudo isso, podemos depreender que a verdade é que não existe uma obrigatoriedade no que diz respeito a horas de estudo, mas que o ideal seria de no mínimo quatro horas para conseguir se dedicar a cada matéria de estudo. Porém, se você tiver disponível menos do que isso, mais importante do que sentar por muito tempo, é aproveitar com qualidade e produtividade o tempo que se tem disponível. Boa prova!

Sobre Blog Concursado

Sou ex-Oficial Aviador da Marinha e bacharel em Ciências Militares pela Escola Naval.Sou um dos responsáveis pelo Blog Concursado que já tem 16 anos de história. Venho nesse Blog passar toda a minha experiência, pois já consegui ser aprovado em 33 Concursos Públicos, entre eles Delegado Civil e Federal e tantos outros. A nossa missão e compromisso é ajudar você ser aprovado também.