O que não fazer na hora de prestar um Concurso Público

Tempo de leitura: 6 minutos

O dia de realizar a prova do concurso público é uma data muito aguardada, que desperta um misto de emoções como nervosismo, ansiedade, esperança e otimismo, isto porque foram dedicadas horas de estudos para estra ali, porém, mesmo os que se preparam muito para o grande dia, acaba cometendo erros banais na hora da prova.

São erros relacionados as vestes do candidato, materiais e papeis obrigatórios que esqueceu ou não sabia que eram necessários e até mesmo se atrasam por descuido, isto porque muitos deixam de ler o edital do concurso público e não se atenta à informações presentes sobre o local da prova.

Como verá abaixo, são erros que podem ser facilmente driblados para que tudo ocorra de forma perfeita e tranquila para estar diante da prova do concurso que escolheu e finalizá-la a tempo.

Não chegar com antecedência ao local da prova

Por mais que o local seja próximo a residência do candidato ou então ele sabe exatamente onde será o local da prova, é sempre preferível que se chegue no mínimo 30 minutos antes de se fecharem o portão para que possa se ambientar a sala e relaxar e evitar atrasos devido ao transito.

Um erro ainda mais comum é não saber com exatidão qual o local da prova e sair com pouca antecedência sem contar com a variável de transito e demais adversidades que podem aparecer. Isto acaba levando a atrasos, estresse para iniciar as questões e até mesmo perda da prova, caso passe do horário previsto.

Não saber o que pode ou não levar

Pelo simples fato de não ler o edital muita gente precisa pedir emprestado caneta para fazer a prova, acaba tendo de jogar coisas no lixo e ainda atrapalham os outros por causa do barulho. Além disso, pessoas esquecem o documento obrigatório de identidade, como RG, que ausentes impossibilitam de realizar a prova.

No edital diz quais materiais necessários para realizar a prova são aceitos (como se pode levar lápis, borracha e qual cor de caneta será permitida no gabarito), também está escrito quais outros itens são permitidos estarem na sala, como se pode levar garrafinha de água, alimentos lacrados e afins.

A dica é ler com atenção o edital e separar antecipadamente os itens que irá levar, assim evitar esquecer coisas importantes, além disso, pense em seus colegas que podem se sentir incomodados com odores fortes de comidas e embalagens barulhentas.

Não saber o que vestir

Diante da inexperiência algumas pessoas, por saberem que irão realizar uma prova importante, usam roupas formais e até mesmo desconfortáveis para realizara  prova, sendo que na verdade se é permitido quase todos os tipos de vestimentas na sala.

Pode ir com blusa regata, shorts e bermudas, assim como com sapatos abertos. Vista uma roupa confortável que condiza com a temperatura do dia, para evitar incômodos ao longo da prova. O que não é admitido é ir sem camisa, utilizar chapéus e bonés.

Estressar-se com quem já acabou a prova

Na última hora para realizar a prova é normal algumas pessoas já começarem a entregar seus gabaritos e ir embora, e o concurseiro então começar a se desesperar por ainda nem ter terminado o caderno de questões. Isto é comum, mas um erro que pode acabar com as chances de conseguir uma boa colocação no final.

Isto porque com o nervosismo a concentração se esvai, o pânico toma conta e o nervosismo pode atrapalhar até mesmo para assinalar a questão correta ano cartão de respostas.

O correto é manter a calma e confiança em si, o orientador da sala estará controlando o tempo e apenas basta medir este tempo de acordo com o que falta ainda fazer. Foque na prova, apenas nela e termine com calma.

Começar a prova de qualquer jeito

As provas de concurso público são extensas e cheias de pegadinhas, divididas em matérias, e para o concurso é importante ele ter em mente que não basta abri o caderno e começar a responder as questões logo de cara, sem planos.

A forma mais indica de iniciar a prova é observando a ordem das matérias ali, ter em mente uma estratégia para solucionar as questões de forma mais prática e começar pela matéria que mais gosta ou sente facilidade, para assim não se desmotivar diante das que possui maior dificuldade.

Falta de atenção ao preencher o gabarito

Quem nunca assinalou uma resposta incorreta no cartão de respostas por falta de atenção? Isso ocorre porque diante do nervosismo e os locais de assinalarem serem tão idênticos, que nós acabamos pulando questões.

Para evitar que isso ocorra é importante levar uma régua para acompanhar as questões assinaladas, assim como assinalar primeiramente a lápis e conferir no caderno de questões se é aquela alternativa mesmo.

Vale ressaltar que também é preciso ler o cartão de respostas porque muitas delas pedem que sejam preenchidas algumas informações como número da RG, nome completo e assinatura.

Não saber lidar com prova de dois turnos

Algumas provas de concurso público necessitam que o candidato realize a prova por dois dias ou dois turnos, por ela ser mais extensa do que as demais, mas algumas pessoas não conseguem lidar com a pressão de enfrentar com estes dois turnos de questionamentos, importância daquela prova e tempo sentados.

Com isto acabam tendo dores nas costas, na cabeça e o cansaço psicológico que prejudicam muito, principalmente no segundo dia da prova, a responder questões, muitas vezes, dissertativas que exigem maior grau de conhecimento.

Para isto, o concurseiro deve treinar antecipadamente para controlar a ansiedade e lidar com a pressão, usando técnicas de relaxamento, como até mesmo levar chocolate, beber água ou sair para ir ao banheiro e relaxar um pouco, esticar os braços, o pescoço e as pernas.

 Estes poucos minutos gastos podem ser determinantes para que se realize a prova de forma sã e tranquila, já que a mente se acalma um pouco e o corpo para de incomodar um pouco. Uma dica é levar algum analgésico para não sentir dores intensas que não permitem a finalização da prova.

 

Sobre Concurseiro Paulista

Sou ex-Oficial Aviador da Marinha e bacharel em Ciências Militares pela Escola Naval.Sou um dos responsáveis pelo site Concurseiro Paulista que já tem 16 anos de história. Venho nesse Blog passar toda a minha experiência, pois já consegui ser aprovado em 33 Concursos Públicos, entre eles Delegado Civil e Federal e tantos outros. A nossa missão e compromisso é ajudar você ser aprovado também.