O que garante aprovação em concurso público: qualidade ou quantidade?

Tempo de leitura: 6 minutos

Quem começa a estudar para concursos públicos normalmente tem aquela ideia de que é preciso quantidade: muitas horas de estudo, diversos livros e apostilas, realização de inúmeros cursos, entre outras coisas. No entanto, ao contrário do que se imagina, um fator ainda mais importante para a aprovação em concurso público é a qualidade nesses momentos de estudo.

E qual seria a melhor forma de estudar com qualidade? Eu posso te ajudar! Confira estas dicas:

1. Prepare-se mentalmente

O maior problema nessa dúvida entre qualidade e quantidade está nas próprias concepções que temos sobre o que é estudar para atingir nossos objetivos. Normalmente, associamos essa imagem com alguém que passa horas em frente aos livros, sem quase nenhum tempo para descanso e lazer. Isso não é verdade. É possível estudar com maior qualidade, ainda que você tenha poucas horas de estudo disponíveis no dia.

Na prática, é preciso se preparar para isso mentalmente. Isso significa esquecer esses preconceitos e ter em mente quais são seus objetivos ao começar cada sessão de estudos. Tome alguns minutos iniciais para lembrar das razões pelas quais você está estudando, da importância da aprovação para você e de como é preciso focar na atividade que será iniciada.

2. Conheça seu próprio ritmo de estudos

Nem todas as pessoas reagem da mesma forma a ritmos de estudo muito intensos. Por exemplo, um concurseiro que trabalha durante todo o dia terá mais dificuldade de se concentrar por longas horas à noite, em vez de focar seus estudos em um tempo menor, mas de maior qualidade.

Há também quem consiga render mais nos finais de semana, quando não é preciso se preocupar com as demandas do trabalho. Você conhece seu ritmo de estudos? Conheça seu próprio ritmo para montar um quadro de horários mais adequado para sua rotina. Em vez de simplesmente apostar em mais horas de estudo por dia, estabeleça horários pontuais que funcionem melhor para você!

3. Escolha locais adequados

Não adianta querer estudar com qualidade em lugares barulhentos, ou de difícil concentração. Se você e seus estudos são interrompidos constantemente por outras pessoas e outras formas de distração, o resultado será um aprendizado de menor qualidade, com a necessidade de passar muito mais horas em frente aos livros para absorver qualquer tipo de conhecimento.

Devido a essas distrações, muitas pessoas focam tanto em quantidade, e não em qualidade, quando pensam nos estudos para concurso. Como elas estão desconcentradas e são constantemente estimuladas por outras coisas que não os livros, realmente não é possível ser produtivo nas horas de estudo.

Se, em vez disso, você escolhe locais adequados para o estudo (silenciosos, livres de interrupções, etc.), sua produtividade aumenta, já que será possível cobrir um conteúdo maior, em menor espaço de tempo. Para colocar isso em prática, procure estudar em bibliotecas, ou então em um ambiente de sua casa que pode ser isolado dos demais enquanto você se concentra.

Nada de ficar em frente à TV, ou na sala de casa, onde as interrupções são constantes! Além disso, invista em uma cadeira e mesa de estudos adequadas para sua altura, que não causem desconforto ou dores durante os estudos.

4. Estude utilizando materiais de qualidade

Não é preciso gastar muito para se preparar com qualidade. Ao contrário, basta fazer escolhas estratégicas para garantir o acesso a poucos bons materiais. Primeiramente, evite gastar muito dinheiro com apostilas que são meramente compilações de questões de concursos. Pela internet, você consegue acessar esse tipo de bancos de exercícios de forma muito mais atualizada e com melhor custo-benefício. Esse é o caso, por exemplo, de sites como o Aprova Concursos e o Q Concursos, entre outros.

Outra forma de garantir a qualidade dos materiais de estudo é conversar com quem entende sobre o tema: professores e outros alunos. Colegas de sala de aula e professores de cursinho vão poder avaliar quais são os materiais mais indicados para estudar cada matéria, ajudando você a utilizar seu dinheiro de forma mais estratégica, evitando desperdícios.

Como esse é um mercado consumidor muito atraente para as editoras, elas vivem lançando novas coletâneas e obras que não necessariamente refletem o nível de profundidade necessário para a aprovação.

5. Planeje sua aprovação em concurso público

Outro dilema de quem se divide entre qualidade e qualidade é o tempo gasto com planejamento. Pois saiba que não há desperdício algum em utilizar seu tempo para planejar os estudos. Na verdade, esse é um tempo investido, porque quem estuda de acordo com um planejamento minucioso e detalhado terá maior direcionamento, foco e produtividade nas sessões de estudo. Quanto mais você se planejar, maior será a qualidade de seus estudos.

Mas como fazer isso na prática?

Monte um plano de estudos! A partir do edital de seu concurso (ou, então, a partir de editais passados), verifique as disciplinas que são cobradas, o tipo de questões que você terá que enfrentar (múltipla escolha, dissertativa, etc.) e monte um planejamento abrangente. Ele deve incluir todos os pontos do edital, sessões de estudo, realização de baterias de exercício, revisão de conteúdo e simulados.

De forma alternada, as matérias podem ser estudadas diariamente, ainda que em poucas horas por dia, já que você não perderá tempo tentando ver o que é mais importante estudar.  

6. Utilize as técnicas de estudo que mais funcionam para você

Nem todo concurseiro estuda da mesma forma. Uma técnica de estudos que funciona para uma pessoa, pode não ser a mais adequada para outra. Há candidatos que gostam de elaborar mapas mentais para fixar melhor a matéria, enquanto outros apostam em mnemônicos para evitar aqueles brancos na hora da prova.

Independentemente da técnica (confira aqui algumas delas), é imprescindível que você conheça seus próprios processos de aprendizado para escolher as técnicas mais adequadas para sua aprovação. Experimente e avalie! Não insista em técnicas que não combinam com você. A qualidade dos seus estudos depende disso!

Com essas dicas em mãos, fica ainda mais possível chegar perto de sua aprovação em concurso público! Aproveite para colocá-las em prática e também deixar seu comentário aqui no blog. Compartilhe sua experiência, participe!

Sobre Concurseiro Paulista

Sou ex-Oficial Aviador da Marinha e bacharel em Ciências Militares pela Escola Naval.Sou um dos responsáveis pelo site Concurseiro Paulista que já tem 16 anos de história. Venho nesse Blog passar toda a minha experiência, pois já consegui ser aprovado em 33 Concursos Públicos, entre eles Delegado Civil e Federal e tantos outros. A nossa missão e compromisso é ajudar você ser aprovado também.