A força da fé para passar no seu concurso

Tempo de leitura: 2 minutos

Olá, meus amigos.

Vejo muitas pessoas que estudam para concursos, que estão quites com suas obrigações espirituais (ou religiosa), seja na igreja, ou mesmo, no terreiro.

Religião, futebol, política e setor de trabalho, cada um tem sua opinião.Pacóvio é quem fica perdendo tempo discutindo o seu egocentriosmo.

Mas…Porém…todavia…contudo…não obstante não dedica com afinco os seus estudos diários e com foco.

A fé é muito maior do que estar em conglomerado religioso. A fé, é acreditar em você, aquela energia e força de vontade de querer cada vez aprender mais e mais para passar naquela prova do seu concurso.

Desde que me entendo por gente, na área escolar, sempre fui chamado de burro, incapaz. Tinha muita dificuldade de aprender, falavam que eu tinha déficit de atenção, patati e patatá.

Lá no Capão Redondo, no colégio municipal, numa sala de 50 alunos, era muito zuado. Falavam que eu era muito burro, incapaz e maluco, isso da Alfa até antiga Sétima série. Era um dos piores alunos da sala.

Hoje, eu com 28 anos, estou anos luzes em melhor situação que todas essas pessoas que estudaram comigo. Aqueles que me zuavam, estão desempregado, cheio de filhos e sem futuro nenhum.Hoje são bem sucedido, tenho 12 empresas e 817 pessoas trabalham para mim.

Quando fiz um curso preparatório para o Colégio Naval, fazia perguntas idiotas no primeiro dia. O que era Ângulo, Triangulo e Aritmética? No final da aula, o professor perguntou para mim se era isso mesmo o que eu queria, passar naquele concurso?E que pelo nível de dificuldade, era inacreditável chegar até aquela série.

Ele disse que nunca viu um aluno com tanta dificuldade de aprendizado e que aquilo não era o meu lugar.Também disse que a minha chance era zero. Olha só, um professor de matemática falar isso, rsrs.

Como dizia o saudodo Fernando Pessoa

“Pedras no caminho? Guardo todas, um dia vou construir um castelo …”

Eu tinha tanta, mas tanta fé que eu ía passar que estudava das 5 horas da manhã até meia noite, todo o dia e consegui aprovação naquele ano Colégio Naval, EPCar e nas instituições que estão no Rio de Janeiro, CEFET, Colégio Militar, Federal de Química e Pedro II.

Não tinha Carnaval, aniversário e festinha. Eu ía para frente. o meu desejo de vitória, o meu desejo de aprovação, era muito maior que a dor e o cansaço físico. Isso nos meus 14 anos.

Meus amigos, tenham fé. Acreditem, dá para passar no seu concurso dos seus sonhos. É só querer.

Jamais dê ouvidos para pessoas que querem colocar para baixo. 

Hoje estou inspirado, rsrs

Adoro essa mensagem:  “Não sabendo que era impossível, ele foi lá e fez.”

By Jean Cocteau

Essa frase é minha , vou carregar para minha vida. Jamais, até o meu último dia aqui a terra, vou deixar alguém atrapalhar os meus sonhos. Quem ficar na minha frente, será destruído, queimado e dilacerado mentalmente.

Sobre Concurseiro Paulista

Sou ex-Oficial Aviador da Marinha e bacharel em Ciências Militares pela Escola Naval.Sou um dos responsáveis pelo site Concurseiro Paulista que já tem 16 anos de história. Venho nesse Blog passar toda a minha experiência, pois já consegui ser aprovado em 33 Concursos Públicos, entre eles Delegado Civil e Federal e tantos outros. A nossa missão e compromisso é ajudar você ser aprovado também.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *