Concursos para vagas temporárias: vale a pena ou é uma furada?

Tempo de leitura: 5 minutos

Muitos são os motivos pelos quais as pessoas recorrem aos concursos públicos. Sabemos que a crise financeira afetou especialmente o setor privado da economia brasileira e com isso, fez crescer o número de interessados em concursos públicos.

Um cargo público oferece uma série de vantagens, mas a principal delas é a estabilidade financeira. Além disso, existe a segurança de conseguir uma aposentadoria acima da média, a inexistência de hora extra, flexibilidade na jornada de trabalho, entre outros benefícios. Porém, a estabilidade ainda é o que prevalece.

Hoje, vamos falar sobre concursos para vagas temporárias, que apesar de oferecerem estabilidade financeira aos aprovados, tem prazo determinado para chegar ao fim. Se você nunca ouviu falar sobre concursos para vagas temporárias, então é a sua chance de se informar e avaliar se essa é ou não uma boa pedida para você.

O que é um concurso para vaga temporária?

O nome “vaga temporária” já nos faz presumir que se trata de um trabalho com data prevista para um fim. Você faz a prova, passa por todo o processo seletivo, e, se aprovado, exerce o cargo em questão por um tempo estipulado pelo órgão responsável pelo concurso.

As pessoas que estudam para concursos públicos sabem o quanto é difícil conseguir uma vaga e quando a mesma é temporária, não é possível apostar no aspecto “estabilidade financeira”.

No entanto, em meio à crise financeira que o país enfrenta, se candidatar a uma vaga temporária pode não ser uma ideia ruim, já que os salários oferecidos costumam ser bem altos, podendo chegar em até trinta mil reais, como é o caso dos substitutos dos juízes, por exemplo.

Além disso, os contratos podem durar até trinta e um meses, o que totaliza mais de dois anos. Após esse prazo, o candidato deve deixar o cargo, no entanto, teve tempo o suficiente para procurar por uma vaga efetiva, ou economizar dinheiro para um período de eventual desemprego.

Vale lembrar que esse tipo de vaga só é válido quando o candidato ainda tem tempo de conciliar os estudos com o trabalho, para que, quando chegue o período de deixar o cargo, ele esteja com outra oportunidade encaminhada.

Caso contrário, embora o dinheiro seja bom, é preciso pensar nos riscos. Você não vai querer passar dois anos levando um determinado padrão de vida, para depois ter que abandonar tudo isso, não é mesmo?

Vagas abertas

Agora que você já sabe o que é um concurso para vagas temporárias, como eles funcionam, quais as vantagens e desvantagens, chegou a hora de mostrarmos as oportunidades em aberto.

O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) está oferecendo mais de oitenta e duas mil vagas temporárias em 2017, em todo Brasil e para todos os níveis de escolaridade. Confira algumas vagas disponíveis:

Cargos de Nível Fundamental

62.400 vagas para cargo de recenseador.

Cargos de Nível Médio

Estão abertas mais de 18.914 vagas para o cargo de agente, sendo 12.540 para agente censitário supervisor, 5.500 para agente censitário municipal, 700 para o cargo de agente censitário administrativo e 174 de agente censitário de informática.

Cargos de Nível Superior       

736 vagas para analista, sendo 486 para analista censitário regional e 250 para analista censitário.

Os salários para os respectivos cargos acima ainda não foram divulgados, então é preciso aguardar mais informações vindas do IBGE.

Como ser aprovado em um concurso para vagas temporárias?

Não há segredo, o conteúdo cobrado nas provas de concurso para vagas temporárias é o mesmo cobrado nas provas de concursos para vagas efetivas.

Normalmente, as matérias são Português, Matemática, História, Geografia, Raciocínio Lógico, Atualidades e Informática. É claro que pode haver um acréscimo de matérias, mas tudo depende do cargo para o qual você está estudando para exercer. Essas matérias citadas são as solicitadas em todas as provas.

O mais aconselhável é que você se oriente a partir do edital do concurso, que lhe informará sobre o que de fato cairá em sua prova. Mas, caso queira se adiantar e já começar a dar uma olhada no conteúdo, opte por essas matérias citadas, pois as chances de elas serem cobradas são muito altas.

Como me preparar para o concurso?

Se você quer saber qual a melhor forma de se preparar para um concurso de vaga temporária, aqui vão algumas dicas valiosas.

Planeje

Antes de começar a estudar, trace um plano de estudos. Decida qual cargo você deseja ocupar. Feito isso, consulte editais anteriores que irão te ajudar quanto ao conteúdo a ser estudado. Veja simulados, provas anteriores e listas de exercícios. Treinar é fundamental.

Tática de estudo

Seja prático e use o tempo que você tem. Não adianta nada ter uma tarde inteira livre para estudar sem foco e concentração. Se você tem duas horas disponíveis por dia, então aproveite essas duas horas o máximo que puder. Divida as matérias por dia, o tempo para exercícios etc. Otimize o tempo.

Seja disciplinado

Quando estudamos de forma independente, fugir de distrações fica mais difícil. Por não termos que dar satisfação a um professor, muitas vezes colocamos outras tarefas a frente do tempo de estudos, o que jamais pode acontecer.

Seu tempo de estudo é para estudo e nada mais, dessa forma você consegue aproveitar mais e ainda não se arrepender de nada caso o resultado da prova não seja o esperado.

Incentivo

Não é fácil conseguir uma vaga pela qual milhares de pessoas, em todo o país estão lutando também, mas não se deixe abalar. A motivação deve surgir de dentro de você, e você precisa se lembrar todos os dias, o motivo pelo qual está lutando.

Não se deixe influenciar por opiniões negativas de outras pessoas, se você quer uma coisa, trace seu objetivo e corra atrás.

Estudar para um concurso não é fácil, e saber que a vaga é temporária as vezes pode desanimar um pouco, mas lembre-se dos benefícios. Você passará um bom período sem se preocupar com dinheiro, só não se esqueça de correr atrás de outras oportunidades.

Concursos para vagas temporárias: vale a pena ou é uma furada?
5 (100%) 1 vote

Sobre Carlos Gusmão

Sou ex-Oficial Aviador da Marinha e bacharel em Ciências Militares pela Escola Naval. Sou um dos responsáveis pelo site Concursado.org que já tem 16 anos de história. Venho nesse Blog passar toda a minha experiência, pois já consegui ser aprovado em 33 Concursos Públicos, entre eles Delegado Civil e Federal e tantos outros. A nossa missão e compromisso é ajudar você ser aprovado também.