Concurso IBGE 2020

Tempo de leitura: 6 minutos

A espera acabou! O IBGE – Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, publicou semana passada dois editais para preenchimento de mais de 208 mil vagas para todo o país.

Os editais de nº 02 e 03/2020 são os que regulamentam para a contratação de 208.695 candidatos para suprir as demandas do Censo Demográfico 2020 do IBGE.

Acompanhe abaixo mais informações sobre os Processos Seletivos 2020 do IBGE:

– Banca responsável pelo concurso do IBGE

O CEBRASPE será a banca responsável pela realização das etapas seletivas / processo de seleção simplificada do IBGE 2020.

– As vagas do concurso IBGE 2020

Como já informado, estarão em jogo 208.695 (duzentos e oito mil e seiscentos e noventa e cinco) vagas, distribuídas da seguinte forma:

  • 5.462 vagas para candidatos que gostariam de ocupar o cargo de Agente Censitário Municipal – ACM;
  • 22.676 vagas para candidatos que gostariam de ocupar o cargo de Agente Censitário Supervisor – ACS; e
  • 180.557 vagas para candidatos que gostariam de ocupar o cargo de Recenseador.

– As inscrições para o concurso do IBGE 2020

O site da banca responsável pela realização do certame, o CEBRASPE, é onde deve ser feitas as inscrições para o concurso do IBGE 2020.

Após se cadastrar, para efetivar a sua inscrição para participar do concurso do IBGE, é necessário pagar uma taxa de inscrição que varia conforme o cargo pretendido, variando de R$ 23,61 (vinte e três reais e sessenta e um centavos) e R$ 35,80 (trinta e cinco reais e oitenta centavos).

O período de inscrições começou no último dia 5 de março de 2020 e se encerra às 23h59 do dia 24 de março de 2020. Sempre levando em conta o horário oficial de Brasília / DF.

Ainda há nos editais, menção sobre isenção total do valor da taxa de inscrição para alguns candidatos que se enquadrem em situações específicas. Consulte maiores detalhes nos editais no sítio do CEBRASPE.

– As provas do Concurso IBGE 2020

Os candidatos inscritos para as vagas temporárias do IBGE 2020 irão participar de uma etapa principal, de prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório.

Essa avaliação será aplicada nos municípios sede dos postos de coleta, conforme a relação de vagas descritas em seus respectivos editais.

Os candidatos inscritos às vagas de Recenseador ainda participarão de um treinamento, que não será feito pela banca, mas sim pelo próprio IBGE, este, tendo também um caráter eliminatório e classificatório visando principalmente capacitar o Recenseador para a aplicação de conceitos e de procedimentos estabelecidos para o Censo Demográfico 2020.

A avaliação para o cargo de Agente Censitário (Municipal e Supervisor) terá 60 questões, distribuídas entre as seguintes matérias:

  • Língua Portuguesa,
  • Raciocínio Lógico Quantitativo,
  • Ética no Serviço Público,
  • Noções de Administração / Situações Gerenciais, e
  • Conhecimentos Técnicos.

A previsão de duração da prova é de quatro horas, com aplicação previamente marcada para o dia 17 de maio de 2020 em locais ainda a ser confirmado posteriormente.

Já os candidatos inscritos para concorrer a uma vaga de Recenseador realizarão, a princípio, a prova na semana seguinte, no dia 24 de maio de 2020, e conterá 50 questões, distribuídas entras as seguintes disciplinas:

  • Língua Portuguesa,
  • Matemática,
  • Ética no Serviço Público, e
  • Conhecimentos Técnicos.

– As principais funções de cada cargo para o Processo Seletivo do IBGE 2020

  • Agente Censitário Municipal e Agente Censitário Supervisor

Ambas as funções estão descritas no edital nº 02/2020 e requerem que o candidato tenha ensino médio completo.

A remuneração mensal para Agente Censitário Municipal é de R$ R$ 2.100,00 (dois mil e cem reais), para uma jornada de 40 horas por semana. Para o cargo de Agente Censitário Supervisor, a remuneração é de R$ 1.700,00 (um mil e setecentos reais), para a mesma carga horária por semana, 40.

Os Agentes Censitários Municipais desenvolvem uma série de tarefas, entre as principais:

  • Acompanhar as atividades da coleta de dados;
  • Acompanhar o Agente Censitário Supervisor no início da coleta da pesquisa urbanística;
  • Equipar, administrar, organizar e zelar pelo Posto de Coleta;
  • Acompanhar o registro de frequência dos Agentes Censitários Supervisores;
  • Divulgar o Censo em toda sua área de atuação; e
  • Manter organizada toda a documentação administrativa.

Já os Agentes Censitários Supervisores, possuem como principais funções:

  • Acompanhamento dos recenseadores em campo para esclarecimento de dúvidas;
  • Adotar as providências relativas à contratação, prorrogação de contratos e desligamento de Recenseadores;
  • Auxiliar os Recenseadores na solução dos casos de recusa ou resistência de informantes em atendê-los;
  • Dentre outras funções.

Vale frisar que para esses cargos, os contratados terão um vínculo com o IBGE por até cinco meses, podendo ser prorrogado, de acordo com as necessidades do órgão.

·        Recenseador

As vagas para Recenseador estão previstas no edital 03/2020, e o requisito de nível de escolaridade mínimo para disputar cada uma das 180.557 vagas é o de ensino fundamental completo.

Dentre as diversas atribuições que esses servidores temporários terão, podemos citar:

  • Manusear o serviço de mensagens do dispositivo móvel de coleta;
  • Apresentar-se ao informante com o uniforme e o crachá de identificação fornecido pelo IBGE;
  • Coletar as informações do Censo Demográfico 2020 em todos os domicílios do setor censitário que lhe foi atribuído; e
  • Manter o sigilo dos dados emitidos pelo informante, além de consultar relatórios diversos de acompanhamento de coleta.

A remuneração para os Recenseadores será por produção, calculada por setor censitário de unidades recenseadas (domicílios urbanos e/ou rurais), pelo tipo de questionário e pelas pessoas recenseadas e registro no controle da coleta de dados.

A jornada de trabalho será variável, tendo de ser de pelo menos 25 horas por semana, isso sem contar a participação integral e obrigatória no Treinamento.

O contrato para os Recenseadores deve durar até três meses, mas também pode podendo ser prorrogado de acordo com a necessidade do IBGE.

Caro concurseiro, embora seja uma oportunidade temporária, tem dois pontos muito importantes que devem ser levado em consideração em relação ao certame do IBGE 2020:

  1. A experiência que se adquire em um concurso público principalmente dessa envergadura, que ainda por cima está sendo realizado por uma das mais famosas bancas, o CEBRASPE; e
  2. O atual nível de desemprego no país, pois é uma chance de voltar, ao menos temporariamente, ao mercado de trabalho.

Boa sorte a todos!

Sobre Blog Concursado

Sou ex-Oficial Aviador da Marinha e bacharel em Ciências Militares pela Escola Naval.Sou um dos responsáveis pelo Blog Concursado que já tem 16 anos de história. Venho nesse Blog passar toda a minha experiência, pois já consegui ser aprovado em 33 Concursos Públicos, entre eles Delegado Civil e Federal e tantos outros. A nossa missão e compromisso é ajudar você ser aprovado também.