Como interpretar edital de concurso?

Tempo de leitura: 6 minutos

 

O que mais atrapalha os “concurseiros” é a falta de atenção ao ler o edital de concurso. Assim como quase ninguém lê o manual de instrução de eletrônicos ou as regras do jogo, alguns candidatos pecam na importante leitura e interpretação desse documento.

Mas a culpa não é totalmente do candidato; os editais são realmente documentos longos e complexos.

Pensando nisso, selecionamos algumas dicas que te ajudarão a interpretar os editais de concursos e deixá-lo mais preparado para enfrentar as provas. Vamos lá?

1. Busque o edital da última edição do concurso

Já que o intervalo dado entre a publicação do edital e a prova costuma ser curto (geralmente de 2 a 4 meses), o ideal é procurar por documentos de edições anteriores do concurso antes de sair o edital oficial. Isso mesmo! O edital anterior da prova já vai te dar uma base de como será o processo e você pode planejar-se melhor.

É claro que o edital oficial pode apresentar alguma novidade em relação à última edição da prova, mas os itens principais provavelmente não irão mudar. Os editais anteriores podem frequentemente ser encontrados no site das bancas organizadoras.

2. Entenda a estrutura geral do edital de concurso

Para saber como interpretar edital de concurso é preciso entender primeiro como funciona a estrutura geral desse documento. Inicialmente, a seção mais simples é a de disposições preliminares. Nela a banca organizadora é apresentada, bem como o regime jurídico dos cargos oferecidos, local das vagas e outras informações básicas.

Em seguida você encontra a relação das vagas oferecidas e também os requisitos para que você possa se candidatar. É muito importante ler com atenção essa parte, pois sem cumprir todos os requisitos você será impedido de tomar posse no cargo, mesmo que seja aprovado no concurso.

Existem ainda outros tópicos com as datas, etapas do concurso e instruções para que você possa realizar a inscrição. Tanto o conteúdo cobrado nas provas quanto os critérios de avaliação usados pela banca também aparecem geralmente no tópico “anexos”.

3. Leia e releia cada tópico com muita atenção

Depois que você já se familiarizou com a estrutura do edital, faça uma leitura inicial para ter uma visão geral do seu conteúdo. Mas é importante que você também faça outras leituras mais aguçadas. Com elas você conseguirá perceber detalhes que, no final das contas, podem fazer toda a diferença.

Uma dica importante fica para as disposições finais do edital. Nessa parte podem estar informações muito úteis que geralmente são desconsideradas por falta de atenção. Caso você tenha dificuldades em entender algum ponto do documento, o ideal é buscar a ajuda de algum especialista ou professor. Não guarde nenhuma dúvida para você!

Existem diversas formas de se ler o edital, assim como vários objetivos. Veja como pode ser sua programação de leitura do edital:

Leitura informativa

A primeira leitura é para conhecimento geral, ou seja, para que você se certifique de que aquele concurso está realmente dentro de sua área de interesse. Nessa leitura inicial, extraia algumas informações importantes:

  • O órgão que está realizando o concurso: federal, estadual ou municipal, do poder Executivo, Judiciário ou Legislativo;
  • Os cargos oferecidos: nível médio ou superior;
  • Atribuições conferidas ao cargo;
  • Remunerações e locais de trabalho.

Leitura decisiva

Depois que você se certificar de que realmente tem interesse pelo concurso, faça outra leitura do edital. Dessa vez, foque em informações mais detalhadas que poderão te ajudar a decidir se você deve se inscrever o não. São elas:

  • Observar se a data e o local da prova são viáveis para você;
  • Verificar quantas fases possui o concurso;
  • Conferir quais são as matérias exigidas na prova (conteúdo programático).

Essas informações são muito importantes, pois você consegue verificar em sua agenda se as provas dos concursos que você deseja não vão coincidir, por exemplo. Com relação ao conteúdo, é interessante olhar com atenção aquilo que você já estudou ou vem estudando e aquilo que não está compatível com os seus estudos. Fique atento!

Leitura estratégica

Essa leitura é para ser feita depois de você se decidir pelo concurso e realizar a inscrição. Essa é a leitura mais importante do edital porque você vai extrair informações efetivas para o seu preparo. Confira algumas delas:

  • Forma de contagem dos pontos e pesos das questões;
  • Número de questões para cada matéria do conteúdo programático;
  • As matérias principais (tópicos e subtópicos).

Com esse tipo de leitura você vai elaborar uma estratégia para se preparar para o concurso. Afinal, não tem como estudar às cegas e sem um roteiro focado. Esse planejamento faz toda a diferença no seu resultado!

4. Elabore um resumo das informações

Interpretar um edital de concurso é, na verdade, um mapa para a conquista da sua vaga. Por isso, depois de todas as leituras necessárias, é importante que você o tenha sempre em mãos para consultas posteriores.

E para facilitar sua preparação, elabore um resumo com todas as informações contidas no documento. Afinal, com a rotina repleta de estudos, você não terá tempo de ficar voltando em dezenas e dezenas de páginas do edital para realizar consultas. Faça uma síntese dos pontos principais, na forma de um esquema, ou então abuse do marca-texto e destaque essas informações mais relevantes.

5. Crie uma agenda a partir do edital

Essa parte merece atenção especial do candidato. Tenha sempre uma agenda prática para organizar os prazos de inscrição dos concursos, as datas e horários de todas as etapas do processo e também anote os locais de realização.

O ideal é que essa agenda contenha mais informações a respeito da forma como você se organizará para fazer todas as provas. Pesquise e anote o trajeto, os custos, a distância da cidade (se for o caso), o grau de dificuldade para se conseguir chegar até lá, dentre outras coisas que podem ser extraídas do edital. Planejamento nunca é demais!

Não é tão difícil saber como interpretar edital de concurso! Basta dedicar atenção à leitura do documento, feita com qualidade e sem pressa, destacando, anotando e organizando as informações mais importantes para que você esteja um passo à frente dos outros candidatos.

E você, concurseiro, o que achou dessas dicas para interpretar o edital de concurso? Como costuma se preparar para as provas? Compartilhe sua experiência nos comentários!

Sobre Concurseiro Paulista

Sou ex-Oficial Aviador da Marinha e bacharel em Ciências Militares pela Escola Naval.Sou um dos responsáveis pelo site Concurseiro Paulista que já tem 16 anos de história. Venho nesse Blog passar toda a minha experiência, pois já consegui ser aprovado em 33 Concursos Públicos, entre eles Delegado Civil e Federal e tantos outros. A nossa missão e compromisso é ajudar você ser aprovado também.