6 motivos para usar a regra de 3 em concursos públicos

Tempo de leitura: 5 minutos

Se preparar para um concurso público é fundamental, já que a concorrência de determinados cargos públicos chega a ser maior do que para um vestibular de medicina em uma universidade concorrida.

Por isso, todos os anos candidatos de todo o país se dedicam a horas e meses de estudo para quando chegar a hora da prova, estar o mais bem preparado possível.

Provas de concurso costumam ser extensas e com poucas horas para serem completadas. Por esse motivo, as vezes mais do que preparo, o candidato precisa usar de alguns artifícios para poder ganhar tempo entre uma questão e outra, principalmente as que envolvem contas e podem fazer com que o concurseiro perca um tempo valioso.           

Um dos artifícios mais usados sem dúvida é a regra de 3.

Ela te ajuda em cálculos e com que você resolva a questão muito mais rápido, além de ser muito simples e versátil.

O que é a regra de 3?

A Regra de 3 é um processo simples que nos ajuda a resolver problemas que envolvam dois ou mais valores, onde nem todos são apresentados na questão.

Regra de 3 simples:

A versão simples da regra de 3 é a mais utilizada muito prática e garantida para solução de problemas.

Comece criando uma espécie de tabela e colocando os valores separados do problema. Se os valores foram diretamente proporcionais – quando um varia de acordo com o outro – é só multiplicar os valores em forma de X.

Se os valores foram inversamente proporcionais, inverta-os para que fiquem diretamente proporcionais – essa forma da regra de 3 simples é chamada de Regra de 3 simples inversa.

Regra de 3 Composta:

A regra de 3 composta é usada quando se sabe dois ou mais valores do problema, e quando eles são direta ou inversamente proporcionais

Parece mais complicado, mas na verdade não é: a dica aqui é transformar a questão em quantas regras de 3 simples forem necessárias até que se chegue no resultado de X.

Motivos para usar regra de 3 em concursos:

Por ser uma forma fácil de fazer contas que parecem complexas, além de não exigir que se decore nenhuma fórmula ou contas mágicas, a regra de 3 é muito utilizada nos concursos, vestibulares e provas onde o candidato tem um tempo reduzido para resolver as questões.

Separamos aqui 6 motivos para se usar desse “truque” para resolver as questões.

Garantia de acerto

Regra de 3 em concursos não é loteria: assim como toda matemática, é uma ciência exata. Por isso, se o candidato seguiu todos os passos de forma correta, o valor encontrado do X estará entre as alternativas e o concurseiro terá mais uma questão certa para somar a sua pontuação.

Poupa o seu tempo

Normalmente, o candidato tem uma quantidade limitada de tempo para terminar a prova.

As provas costumam ser compridas, com centenas de questões, o que dá uma média de 5 ou 6 minutos para se responder cada questão.

Nesse tempo, uma questão que o candidato teve mais facilidade acaba compensando uma outra que ele levou mais tempo para assinalar uma alternativa.

Porém, conseguir terminar com tempo de sobra ajuda o concurseiro a não ficar muito nervoso, já que ficar ouvindo que falta pouco tempo para o encerramento das provas ainda tendo questões para fazer não vai ajudar em nada o seu rendimento.

Essa é um dos benefícios da regra de 3: por ser uma conta simples, não ocupa muito tempo sendo resolvida – o que no final das horas, pode somar um tempo precioso para aquela questão bem complicada.

Faz as contas ficarem mais simples

Normalmente exercícios matemáticos envolvem diversas formulas. Não é nada fácil decorar todas elas e saber exatamente onde elas vão se aplicar, principalmente quando é uma prova tão importante que o candidato já está sob pressão.

Por isso, a regra de 3 em concurso facilita muito a vida do concurseiro: quando um problema apresenta alguns valores e quer saber um outro, ele já sabe que ali pode fazer o uso dessa regra e não precisa ficar vasculhando toda a sua memória por formulas ais complexas.

Regra versátil

A regra de 3 é uma formula muito versátil e pode ser utilizada em diversas situações e problemas.

Nos concursos, ela pode servir desde aquele problema mais complicado de matemática, até uma conta um pouco mais simples de física, por exemplo.

Além disso, também se aplica em questões de porcentagem, de probabilidade, proporcionalidade e muito mais.

A questão é que problemas sempre serão para você achar um valor que você não tem, no caso chegar a um resultado. Partindo disso, quase todos os problemas podem ser resolvidos na base da regra de 3.

Apoio para outras contas

Em questões muito complicadas, onde as fórmulas matemáticas são realmente imprescindíveis, talvez ela não possa ser tão útil.

Porém, a regra de 3 em concursos pode servir como apoio para outras contas. Ela pode clarear sua mente e te dar um caminho por onde seguir, ou ainda confirmar o resultado que o candidato ainda não tenha muita certeza se está certo ou não – em concursos, qualquer questão a mais correta pode fazer você deixar muitos candidatos para trás.

Contas lógicas

Com o tempo e depois que o candidato já está acostumado a resolver problemas através da regra de 3, ela passa a ser tão natural e simples que pode ser feita até de cabeça. Com um pouco de prática, bastar olhar para o problema que a regra vai se montar na sua cabeça e rapidamente você terá um resultado, usando um pouco de experiência e lógica.

Por muitos motivos, saber usar a regra de 3 em concursos pode te ajudar a conseguir a tão sonhada aprovação em concursos públicos. Esse jeito simples de se resolver problemas é muito abordado em cursinhos preparatórios para concursos, além de fazer parte do cronograma de estudo de todo mundo que está se preparando para uma prova.

O segredo é entender bem a regra de 3, ir bem descansado, alimentado, ficar calma e ter certeza que toda a sua preparação deu resultado e que tudo vai dar certo.

Sobre Blog Concursado

Sou ex-Oficial Aviador da Marinha e bacharel em Ciências Militares pela Escola Naval.Sou um dos responsáveis pelo Blog Concursado que já tem 16 anos de história. Venho nesse Blog passar toda a minha experiência, pois já consegui ser aprovado em 33 Concursos Públicos, entre eles Delegado Civil e Federal e tantos outros. A nossa missão e compromisso é ajudar você ser aprovado também.