4 coisas que não te contam sobre concursos públicos

Tempo de leitura: 6 minutos

O período que antecede a realização de prova do processo seletivo para um ente público é muito importante para as pessoas. Quando estão estudando para o concurso costumam estar totalmente focadas nesse sonho e começam a fazer questionamentos sobre o que é ou não verdade acerca das coisas que já ouviu sobre o assunto.

Algumas coisas parecem sempre ser lembradas toda vez que o tema vem à tona em uma conversa, porém nem tudo é novo nem tudo é relevante.

Fizemos uma relação de coisas sobre concursos públicos que não te contam, mas que são essenciais para conseguir um bom resultado.

Pode ser mais difícil do que pensa

Se antes existia uma mística de que passar em concursos públicos não era algo tão complicado assim, essa crença começa a se desfazer embora tem ficado cada vez mais claro também que não é nenhum bicho de sete cabeças. Mas, o grande problema era que as pessoas, por sempre ouvirem falar que não havia tanta dificuldade, não se preparavam bem para a prova.

A realização da prova do concurso público pode acabar surpreendendo você, toda preparação, todo estudo é bem vindo. Pois, está se dissipando a ideia de que é possível passar em concursos sem se dedicar. É preciso que as pessoas busquem formas de complementar a sua compreensão dos conteúdos que caem no teste.

A dificuldade para a realização fica ainda maior quando as pessoas não se preparam porque não tem hábito de estudar frequentemente, nunca teve compromisso com algum projeto que exigisse responsabilidade, disciplina e rotinas regradas. O problema se tornar maior ainda para as pessoas que não gostam de ler e tem problemas com foco.

Portanto, se você apresenta alguma dessas deficiências, o recomendado é que procure se desenvolver o mais rápido possível caso queira ser aprovado em um concurso. Espere provas mais difíceis do que você imagina. Se havia planejado uma carga de estudo, tente dedicar-se mais, preencher suas lacunas de tempo com mais estudo.

Somente estando preparado para qualquer surpresa relativa a dificuldade do concurso público é que se pode chegar ao resultado esperado.

Concursos devem ser encarados como sonhos

A realização de concursos públicos pode revirar o mundo de alguém. Uma pessoa inscrita para fazer a prova pode ter recorrentes dores de cabeça e preocupações a partir do momento em que os editais são liberados, pois elas começam a idealizar e se autopressionar para alcançar um objetivo.

Porém, isso pode virar um problema para as pessoas que podem acabam sofrendo com as consequências da pressão de si mesmo ou de sua família. Isso pode ocasionar muitos distúrbios emocionais, como o estresse e a ansiedade, o que também pode comprometer a saúde, já que essas complicações podem levar, até mesmo, a doenças crônicas.

A maneira mais inteligente de encarar um concurso é ficando longe da pressão que existe para conseguir o cargo. É encarar essa oportunidade como a chance de realizar um sonho, a chance de alcançar um patamar profissional que sempre desejou e não como uma obrigação. O certame é extremamente disputado e é de uma complexidade gigantesca.

O concurso deve ser encarado como mais uma tentativa dentre tantas na sua vida, por mais decisivo e pontual que possa ser. Se você não conseguir ser aprovado em um determinado concurso, se prepare melhor para o próximo certame e tente novamente. Não é preciso se desesperar. Fazendo tudo certo, as suas possibilidades de sucesso aumentam.

Para aquelas pessoas que encaram os estudos e preparação para a prova como algo positivo, esse período tende a ser mais prazeroso. Elas conseguem perceber que mais do que um caminho que leva ao destino desejado, a preparação pode mudá-las, ajudá-las a se desenvolver intelectualmente e como pessoa.

Requisitos para a vaga

O que as pessoas não sabem é que antes mesmo de concorrer a uma vaga, você deve se enquadrar nos requisitos mínimos exigidos pelo ente público que abriu o processo seletivo. Esses requisitos são condições que todos os candidatos devem possuir no momento de inscrição ou, até mesmo, posteriormente, no momento da posse do cargo.

Todos requisitos devem estar muito claros para os candidatos, embora muitos não se atentem a essas questões, eles estão presentes no edital que essencialmente deve ser lido e relido diversas vezes para que nada seja deixado para trás ou ignorado.

Os requisitos são o grau escolaridade do candidato, a formação exigida, quantas vagas existem, qual o percentual para o preenchimento de vagas destinadas a deficientes físicos, a idade do candidato, entre outras questões de suma importância e que estão detalhadamente descritas nos editais.

Os requisitos serão comprovados, de fato, no momento de ocupar o cargo. O candidato deve apresentar todos os documentos que comprovem as exigências do edital.  Sendo assim, se no início do processo a formação exigida pelo documento ainda estava incompleta, é preciso comprovar a formação no momento de tomar posse da vaga.

Se ao fim do processo seletivo, o candidato aprovado não apresenta tudo o que lhe é pedido como requisito, ele perde a vaga.

Determinação é importante

Até mesmo pela ideia de dificuldade que se cria acima das provas para concurso público, recentemente, muita gente tem pensado que conseguir ser aprovado é algo praticamente impossível de se conseguir e que apenas um seleto grupo consegue unir condições suficientes para ser aprovado realmente.

De fato, existe um seleto grupo que consegue preencher as vagas, mas isso acontece porque o número de vagas é limitado e não devido às limitações intelectuais de algumas pessoas. Todos tem condição de realizar uma boa prova e conseguir um resultado satisfatório, mas para isso é preciso também se preparar de maneira adequada.

É um equivoco pensar que apenas pessoas inteligentes conseguem a sua aprovação, isso nada quer dizer. Existem casos de candidatos extremamente capacitados que não conseguiram alcançar o seu objetivo. Isso porque relaxaram durante o período de preparação ou não estudaram o bastante para conseguir preencher o cargo que desejavam.

Portanto, pessoas que demonstrem perfil mais batalhador, com mais determinação do que pessoas inteligentes têm grandes chances de conseguir alcançar a vaga. O diferencial está no compromisso que se estabelece com os estudos.

 

 

 

 

 

Sobre Concurseiro Paulista

Sou ex-Oficial Aviador da Marinha e bacharel em Ciências Militares pela Escola Naval.Sou um dos responsáveis pelo site Concurseiro Paulista que já tem 16 anos de história. Venho nesse Blog passar toda a minha experiência, pois já consegui ser aprovado em 33 Concursos Públicos, entre eles Delegado Civil e Federal e tantos outros. A nossa missão e compromisso é ajudar você ser aprovado também.